Concurso UNEB: 172 vagas previstas no PLOA 2021

Universidade do Estado da Bahia não tem oficialmente previsão de novo edital (concurso UNEB), mas 172 vagas aparecem no PLOA 2021.

A Universidade do Estado da Bahia (UNEB), assim como a UEFS, a UESC e a UESB, possui uma demanda crescente por novos servidores públicos. Prova disso é que a instituição também possui previsão de vagas no Projeto de Lei Orçamentária 2021 (PLOA). Isso é sinal de que um futuro concurso UNEB pode sair a partir de 2021.

No caso dessa universidade, o documento menciona a necessidade de se preencher pelo menos 172 vagas em um futuro “concurso a realizar”. Mas não se sabe para quais cargos seriam essas vagas, apesar de supormos que sejam para servidores técnicos, analistas e docentes.

Veja abaixo, no fragmento do anexo do PLOA, que as outras três universidades estaduais da Bahia também possuem previsão de “concurso a realizar”:

Vale dizer, contudo, que o simples fato de constar no PLOA não garante a realização desses certames.

Até que o edital seja lançado, outros fatores devem ser considerados pela SAEB (Secretaria de Administração do Estado), principalmente a questão orçamentária.

Último concurso UNEB: vagas, remuneração e benefícios

Um dos últimos concursos públicos da UNEB para a área técnico-administrativa foi lançado em 2010 (edital aqui), com o apoio de equipe da própria instituição (COPEVE – Comissão Organizadora do Concurso).

Foram ofertadas 53 vagas em cargos da carreira de Analista Universitário e Técnico Universitário. O cargo de Técnico Universitário teve essas 53 vagas, enquanto que o cargo de Analista teve apenas o cadastro de reserva.

Naquela época, o vencimento básico do cargo de Técnico Universitário era de R$ 515,51, o qual, acrescido de R$ 386,82 da chamada GSTU, gerava uma remuneração inicial total de R$ 902,33.

Já os Analistas Universitários receberiam inicialmente R$ 1.473,04, equivalente ao vencimento básico de R$ 875,18 mais R$ 597,86 de GSTU.

Vale lembrar ainda que os servidores das Universidades Estaduais da Bahia ainda têm direito, por padrão, a auxílio-alimentação (todos) e a auxílio-transporte.

Com relação ao auxílio-transporte, é preciso ressaltar que essa vantagem somente se concede aos servidores que comprovem a sua necessidade.

Afinal de contas, as universidades estaduais baianas possuem sistema de transporte interno de servidores. Logo, só tem direito a auxílio-transporte quem resida em localidade não contemplada com esse sistema de transporte interno.

As taxas de inscrição cobradas no último edital foram de R$ 55,00 (Técnico Universitário) e R$ 75,00 (Analista Universitário).

Já na área do magistério, a UNEB realiza certames com relativa frequência. Um dos seus últimos concursos, por exemplo, foi para Docente Auxiliar e teve edital publicado no ano de 2016.

A oferta foi de apenas quatro vagas para Professor Auxiliar – Nível A.

A remuneração inicial era de R$ 3.455,08, acrescida do percentual sobre a titulação de ingresso: 20% para especialização, 40% para mestrado e 60% para doutorado.

Requisitos básicos para investidura nos cargos da UNEB

Especificamente falando do último concurso para a carreira técnico-administrativa, os requisitos para ocupação dos cargos foram:

  • Ser brasileiro nato ou naturalizado;
  • Ter idade mínima de 18 anos completos e estar em pleno gozo dos seus direitos políticos;
  • Estar quite com as obrigações militares (para candidatos do sexo masculino);
  • Estar quite com as obrigações eleitorais;
  • Possuir aptidão física e mental comprovada;
  • Não ter sofrido, no exercício de função pública, penalidade incompatível com a investidura em cargo público;
  • Não acumular cargos, empregos e/ou funções, exceto nos casos legalmente previstos;
  • Não receber proventos de aposentadoria que caracterizem acumulação ilícita de cargos; e, por último
  • Ser devidamente aprovado em todas as fases.

Escolaridade mínima para os cargos do concurso UNEB

Se o interesse for concorrer para o cargo de Técnico Universitário, é preciso ter o nível médio completo (Técnico Universitário) ou o médio completo profissionalizante em determinadas áreas, tais como: 

  • Cinegrafista;
  • Editor de Vídeo;
  • Técnico de Áudio;
  • Técnico em Radialismo;
  • Técnico em Solos e Edificações;
  • Técnico em Análises Clínicas; e
  • Técnico em Fotografia.

Se for concorrer para Analista Universitário, é necessário ter formação específica. As formações requeridas dos candidatos no último concurso foram:

Arquitetura, Engenharia Civil, Urbanismo, Engenharia da Produção Civil, Ciências Contábeis, Administração, Sistemas de Informação, Ciências Biológicas, Serviço Social, Pedagogia, Comunicação Social, Museologia, História, Sociologia, Letras Vernáculas, Letras/Inglês, Desenho Industrial, Designer Gráfico, Arquivologia, Secretariado Executivo, Psicologia, Economia, Química, Biblioteconomia e Ciências Sociais.

Etapas do concurso UNEB e o que estudar para as provas

O último concurso da UNEB foi estruturado basicamente em provas objetivas escritas com 60 questões para ambos os cargos. A cidade de aplicação foi Salvador, apenas.

Especificamente para as vagas de Analista Universitário ainda foi realizada a etapa de prova de títulos. Entre as comprovações aceitas, estavam: doutorado, mestrado, especialização, cursos de aperfeiçoamento, experiências e outros.

Os conteúdos cobrados para todos os cargos foram:

  • Língua portuguesa;
  • Raciocínio lógico;
  • Noções de informática;
  • Legislação básica aplicada à administração pública.

Leia também

você pode gostar também

Utilizamos cookies e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa política de privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições. Aceitar Ler mais