Concurso Alesc: 29 vagas autorizadas para 2021

Concurso Alesc (Assembleia Legislativa de Santa Catarina) já tem comissão formada e o próximo passo é definir qual será a banca organizadora.

Os concurseiros podem se animar, porque a Assembleia Legislativa de Santa Catarina (Alesc) irá abrir 29 vagas em breve. Na última quarta-feira (18 de novembro de 2020), a Mesa Diretora do órgão deu o aval para a realização de um novo concurso Alesc.

Em reunião, ficou autorizada a contratação de banca organizadora. No entanto, ainda não foi informado qual será a empresa responsável pela seleção.

Situação atual do concurso Alesc

Há 11 anos sem realizar nenhum concurso para efetivos, a Alesc está se preparando para um novo certame. De acordo com publicação, a comissão responsável pelos trâmites já está formada desde março de 2020:

A novidade de agora é que a Casa autorizou a abertura de 29 vagas imediatas para nível superior no cargo de Analista Legislativo. De acordo com o Sindicato dos Servidores da Assembleia Legislativa do Estado de Santa Catarina (Sindalesc), o número de servidores efetivos caiu pela metade nos últimos 15 anos.

Ainda de acordo com a categoria, a quantidade de funcionários comissionados e terceirizados aumentou quase duas vezes. O novo concurso Alesc é um compromisso assumido pelo presidente da Assembleia, deputado Júlio Garcia, em tratativas com o Sindalesc.

Apesar das confirmações, ainda não existe data para o lançamento do edital. No entanto, assim que a banca organizadora for escolhida é provável que os trâmites corram mais rápido. Dessa forma, é esperado que o documento saia em 2021.

Concurso Alesc: remuneração

Segundo a Assembleia, a carreira de Analista Legislativo tem ganhos em torno de R$ 8.518,77, podendo chegar a R$ 14 mil, dependendo do tempo de trabalho. O concurso Alesc ainda oferece auxílio-saúde no valor de R$ 446,80, auxílio-educação e gratificação por especialização. A função é de nível superior e pode abarcar várias áreas de atuação diferentes.

Último concurso Alesc

A última vez que um concurso Alesc aconteceu foi em novembro de 2009, contando com 56 vagas nas carreiras de Analista Legislativo e Técnico Legislativo. As áreas contempladas pela seleção foram Tecnologia da Informação; Comunicação Social; e Eventos Legislativos.

A banca organizadora responsável foi a Fepese. Na época, os vencimentos eram de R$ 2.125,85 para técnicos e R$ 3.712,21 para analistas, com o valor do auxílio-alimentação de R$ 927 já incluído.

O certame contou com duas etapas, sendo a primeira de prova objetiva obrigatória para todos os candidatos. A avaliação foi composta por 50 questões de:

  • Língua Portuguesa;
  • Conhecimentos Gerais;
  • Noções de Direito;
  • Estudos Sociais; e
  • Conhecimentos Específicos.

Quem se inscreveu nos cargos de nível superior ainda teve que passar por uma prova de títulos, pontuando tempo de experiência profissional e formação acadêmica.

O que estudar para o concurso Alesc?

Caso o novo certame siga os moldes do anterior, os interessados em participar devem estudar:

Língua Portuguesa

  • Construção e interpretação de textos;
  • Conhecimentos de Língua Portuguesa;
  • Ortografia;
  • Semântica;
  • Sintaxe;
  • Pontuação;
  • Concordância nominal e verbal.

Conhecimentos Gerais

  • Aspectos geográficos do Brasil e de Santa Catarina: localização, área, limites, regiões, clima, população, meio ambiente;
  • Aspectos sociais: distribuição de renda, desigualdades regionais, educação, saúde, segurança.
  • Aspectos históricos brasileiros e catarinenses: Período Colonial, Período Monárquico, Período Republicano e Período Contemporâneo.
  • Aspectos econômicos atuais.

Noções de Direito

  • Sociedade, ordem social e ordem jurídica. Sociedade e Estado;
  • Estado: origem, formação, elementos, finalidade; Estado e Direito;
  • Estado e Governo: democracia e representação política; Estado e Constituição; o Estado Federal; o federalismo brasileiro.
  • Poder Legislativo Estadual: organização e atribuições. Deputados. Mesa da Assembleia. Comissões. Processo legislativo.
  • Administração Pública: Organização administrativa. Agentes públicos. A responsabilidade no campo administrativo. Princípios e modalidades de licitação.

Leia também

você pode gostar também

Utilizamos cookies e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa política de privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições. AceitarLer mais