Assistente Social

Prepare-se com questões de Assistente Social

  1. Código da questão: Q1885Ca

    (Ferreira Moura - 2012 - Prefeitura de Arapoti/PR) O benefício de prestação continuada é a garantia de 1 (um) salário mínimo mensal à pessoa portadora de deficiência e ao idoso. Para efeito da concessão deste benefício, a pessoa portadora de deficiência é aquela:

  2. Código da questão: Q2013Ca

    (Instituto Machado de Assis - 2012 - Prefeitura de Brasiléia) Na elaboração dos documentos periciais pelo assistente social primeiramente deve-se levar em conta o projeto éticopolítico e teórico-metodológico da profissão e em segundo plano a natureza e determinantes institucionais. Com relação ao laudo:
    I- Traduz-se na apresentação descritiva e interpretativa de uma situação ou expressão da questão social;
    II- Oferece elementos de base social para a formação de um juízo e tomada de decisão que envolve direitos fundamentais e sociais;
    III- Tem como estrutura: introdução, identificação, metodologia, relato analítico, conclusão ou parecer social.
    Está correto o que se afirma em:

  3. Código da questão: Q1910Ca

    (Acaplam - 2012 - Prefeitura de Ferreiros/PE) No Sistema Único de Assistência Social – SUAS, a Rede SUAS tem por objetivos.
    I. Integrar dados e informações nos três níveis de gestão, garantindo a comunicação entre os entes federados;
    II. Trabalhar dados operacionais e gerenciais visando à criação de indicadores de processos e resultados;
    III. Dar suporte à operação, à gestão, financiamento e controle social do SUAS, ao monitoramento e avaliação de programas, serviços, projetos e benefícios;
    IV. Identificar e conhecer o usuário da assistência social e seu movimento no campo da proteção social básica e especial;
    V.Atualização permanente dos gestores, além de permitir controlar as ações destes no campo da proteção social.
    A partir dos pontos acima, assinale apenas a alternativa que indica o conjunto de itens corretos.

  4. Código da questão: Q1692Ca

    (Ferreira de Moura - 2012 - SEPLAG) Para estar de acordo com o Código de Ética Profissional, o assistente social deve conhecer os direitos e deveres estabelecidos nesta Lei, bem como o que lhe é vedado. É dever do assistente social:

  5. Código da questão: Q1992Ca

    (Cefet - 2012 - Prefeitura Palmas de Monte Alto) Segundo Iamamoto (2007), nas últimas décadas, o Serviço Social brasileiro redimensionou-se num forte embate contra o tradicionalismo profissional e seu lastro conservador, adequando criticamente a profissão às exigências do seu tempo, qualificando-se teoricamente. A luz dessa assertiva, pode-se afirmar, dentre outros, como avanços alcançados pela categoria a

  6. Código da questão: Q1697Ca

    (Ferreira de Moura - 2012 - SEPLAG) O Conselho Tutelar é órgão permanente e autônomo, não jurisdicional, encarregado pela sociedade para zelar o cumprimento dos direitos da criança e do adolescente, definidos no Estatuto da Criança e do Adolescente. Tendo em vista estas afirmações sobre o Conselho Tutelar, qual alternativa abaixo está incorreta?

  7. Código da questão: Q1683Ca

    (Ferreira de Moura - 2012 - SEPLAG) Foi a partir da primeira Política Nacional de Assistência Social – PNAS que se passou a atribuir caráter de direito as ações da assistência social, norteando princípios e diretrizes dessa ação. Qual é o Órgão responsável pela aprovação da PNAS?

  8. Código da questão: Q1027Ca
     São objetivos da gestão de pessoas, exceto:
  9. Código da questão: Q1889Ca

    (Ferreira Moura - 2012 - Prefeitura de Arapoti/PR) Para a proteção social de Assistência Social o princípio de matricialidade sóciofamiliar significa:

  10. Código da questão: Q863Ca
    Em uma reunião realizada em uma instituição que atende crianças e adolescentes vítimas de violência sexual, um assistente social realiza uma apresentação do Plano Nacional de Enfrentamento da Violência Sexual contra Crianças e Adolescentes. O objetivo de tal reunião é sensibilizar o Conselho de Assistência Social e também a comunidade em relação à temática abordada. A exposição começa com a contextualização da violência, considerando que a violência sexual contra crianças e adolescentes é um fenômeno complexo e de difícil enfrentamento. Em seguida, são apresentados os objetivos do Plano.

    No tocante ao Plano Nacional de Enfrentamento da Violência Sexual contra Crianças e Adolescentes, é correto afirmar que se insere entre os seus objetivos específicos: