Concurso PM - RN: nomeações dependem de decisão judicial

Governo aguarda decisão do Judiciário para nomear convocados do concurso da Polícia Militar do Estado

A governadora do Rio Grande do Norte, Rosalba Ciarlini, recebeu, no início da tarde de segunda-feira (22/04), uma comitiva liderada pelo presidente da Assembleia Legislativa do RN, deputado Ricardo Motta, em audiência solicitada pelos 824 convocados do concurso da Polícia Militar. A audiência teve como objetivo discutir sobre a convocação dos aprovados no último concurso. O certame foi suspenso pelo Ministério Público, que ingressou na justiça com uma ação alegando que já havia expirado o prazo para os 824 convocados assumirem. 

Como a questão foi judicializada pelo Ministério Público e o processo encontra-se no Tribunal de Justiça, a governadora Rosalba Ciarlini pediu na semana passada que o Procurador Geral do Estado do Rio Grande do Norte, Miguel Josino, solicitasse ao desembargador Amílcar Maia a realização de uma audiência de conciliação com o Ministério Público para verificar a possibilidade jurídica de se dar continuidade ao concurso. O Procurador Geral do Estado já encaminhou um requerimento ao relator do processo e aguarda a manifestação do Tribunal de Justiça do RN, o que deverá ocorrer na próxima quarta-feira (24/04). 

Rosalba Ciarlini e os deputados presentes na audiência se mostraram solidários à luta dos convocados, mas todos foram unânimes em concordar que o Poder Judiciário terá que decidir a cerca do prazo de validade do concurso. A governadora torce e aguarda para que haja um entendimento, pois o desejo do governo é aproveitar os aprovados. Caso não houvesse o desejo do aproveitamento desse efetivo, o Governo do Estado já teria feito novo concurso, pois há a necessidade de convocação. 

Participaram da reunião o Procurador geral do Estado, Miguel Josino e os deputados estaduais Hermano Morais, Tomba Farias, Gilson Moura e Leonardo Nogueira.

Agência de Notícias do Governo do Rio Grande do Norte

--------------------------------------------------------------

Concurso PM - RN 2013 (12/12/2012)

Governadora prestigia formatura de Oficiais da PM e anuncia novo concurso para 2013

No dia 07 de dezembro de 2012, aconteceu a solenidade de formatura de 16 aspirantes a oficial da Polícia Militar do Estado do Rio Grande do Norte, que contou com a presença da governadora Rosalba Ciarlini.

Durante o evento, a governadora anunciou a realização de um novo concurso: "já que estamos todos reunidos aqui em um dia de festa, quero dizer que pretendemos realizar em 2013 um novo concurso para oficiais da Polícia Militar do RN".

Solenidade

A turma que recebeu o nome de Post Sacrificium, Victorae Gloriam (Após o Sacrifício, a glória da vitória), passou por um curso de três anos de duração, com uma carga-horária de mais de três mil horas.

"Com a formação de novos oficiais, a Polícia Militar do Rio Grande do Norte vai passar a contar com novos líderes - homens que terão sob sua responsabilidade um posto à frente das missões da polícia, conduzindo as tropas do nosso Estado. Quem escolhe ser policial tem em suas mãos uma missão muito nobre e honrosa de proteger e promover a justiça na sociedade", disse a governadora Rosalba Ciarlini.

Edição a partir de informações da Assecom - RN.