Concurso do magistério - RS registra mais de 81 mil inscrições

FDRH registra 81.728 inscrições para o concurso do magistério

A Fundação para o Desenvolvimento de Recursos Humanos (FDRH) registrou 81.728 inscrições para o Concurso Público que irá selecionar 10 mil professores para o Magistério do Rio Grande do Sul. O prazo se encerrou às 23h59 dessa quarta-feira (13/03), e o pagamento do boleto poderá ser realizado até quinta-feira (14).

Este é o número total de inscritos, o número de candidatos homologados será divulgado nos próximos dias.

Redação Secom - RS

-----------------------------------------------------------------------------------------

Divulgado resultado das provas objetivas do Concurso do Magistério RS (17/05/2012)

Foram divulgados os resultados das provas objetivas do concurso público para o magistério estadual.

A Secretaria de Estado da Educação e a Fundação para o Desenvolvimento de Recursos Humanos (FDRH) divulgam os resultados das provas objetivas do concurso público para o magistério estadual. Os candidatos podem consultar a pontuação por prova, a pontuação total e a nota parcial por meio do CPF no site www.fdrh.rs.gov.br. Também está disponível, no mesmo endereço eletrônico, a lista geral para cada uma das 30 Coordenadorias Regionais de Educação (CREs).

Os recursos referentes aos gabaritos e aos resultados das provas objetivas deverão ser entregues entre 18 e 22 de maio, através de requerimento específico para esse fim. O documento deve ser dirigido ao secretário estadual da Educação e entregue diretamente no setor de protocolo da FDRH, na Av. Praia de Belas, 1.595, Porto Alegre/RS, das 9h às 11h30 e das 14h às 17h. Pelo Correio, serão admitidos recursos enviados unicamente por Sedex, com data de postagem até 22 de maio.

A classificação será divulgada somente após a prova de títulos (que equivale a 20% da pontuação total), etapa posterior à avaliação dos recursos. Os candidatos devem acompanhar a divulgação dos prazos no site da FDRH.                                             

                                                ---------------------------------------------------------------------------------

A Comissão do concurso público do magistério, composta por representantes da Secretaria de Estado da Educação (Seduc) e da Fundação para o Desenvolvimento de Recursos Humanos (FDRH), informa que a divulgação dos candidatos aprovados acontecerá na próxima quinta-feira, 17 de maio.

Será disponibilizado um link no site http://www.fdrh.rs.gov.br para que o candidato consulte seu status por meio do CPF.

 -------------------------------------------------------------------------------

Os gabaritos das provas objetivas aplicadas no dia 15 de abril de 2012 foram divulgados neste sábado, 21 de abril de 2012. Confira aqui.

O extraordinário número de consultas simultâneas ao site da FDRH fez com que a página saísse do ar, impedindo qualquer atualização e divulgação do gabarito, como pretendido no dia 19.  A partir do momento em que foi decidido refazer as provas para a área 1 da 10ª CRE, em Uruguaiana, um novo edital de concurso foi elaborado (nº 09/2012) e publicado no Diário Oficial do Estado desta sexta-feira (20), tornando necessário aguardar o dia seguinte para o gabarito.

----------------------------------------------------------------------------------

Milhares de pessoas saíram de casa neste domingo (15) para participar do concurso público do magistério gaúcho, que ocorreu em 30 cidades-sede das Coordenadorias Regionais de Educação (CRE). No Instituto de Educação em Porto Alegre, uma das escolas mais antigas do Estado, mil candidatos prestaram provas.

A professora Ana Rosa de Lessa, 31, veio do Rio de Janeiro a Porto Alegre para disputar uma vaga nas séries iniciais. "Eu resolvi fazer o concurso porque eu gosto do Rio Grande do sul, do friozinho, do churrasco e do chocolate", disse. Para ela, trabalhar no Estado significa melhores condições de vida e estabilidade no emprego.

O secretario de Educação, José Clóvis de Azevedo, acompanhado da adjunta, Maria Eulalia Nascimento, esteve no instituto e em outras duas escolas onde estavam sendo aplicadas as provas, a Escola Estadual de Ensino Médio Anne Frank, no bairro Bom Fim, e a Escola Estadual de Educação Básica Presidente Roosevelt, no bairro Menino Deus. Ele cumprimentou e desejou boa sorte aos candidatos.

"O último concurso para o magistério foi realizado em 2005, mas nenhum aprovado foi chamado. Foram 10 anos sem nenhuma nomeação", afirmou o secretário, que considera a seleção deste domingo um marco para o magistério gaúcho. "Com esse concurso esperamos superar o quadro precário de recursos humanos que temos hoje na Educação".

Muitos professores que atuam na rede estadual por meio de contratos emergenciais aproveitaram a oportunidade para tentar integrar o quadro fixo de docentes. É o caso da professora Cristiane Lopes Nunes, no Colégio Estadual Júlio de Castilhos, na Capital. Ela tenta uma vaga efetiva para Língua Portuguesa, e teve mais dificuldade no teste de legislação. "Embora tenha achado a prova um pouco longa, já esperava que fosse difícil".

Já a professora Neila Regina, de Flores da Cunha, realizou a prova em Caxias do Sul: "Quero ingressar no Estado e conquistar a estabilidade profissional como professora nomeada". A candidata considerou a prova complexa. "Realmente tinha que ter estudado bastante. Praticamente tudo que tinha na bibliografia foi abordado nas questões que foram muito bem elaboradas", enfatiza.

Números da seleção - As provas aplicadas pela Fundação para o Desenvolvimento de Recursos Humanos (FDRH) tiveram quatro horas de duração, e 69.614 candidatos estavam aptos a concorrer a 10 mil vagas. A proporção foi de sete candidatos por vaga, com uma estimativa inicial de abstenção de 10%. Cento e cinquenta e quatro escolas sediaram as provas, distribuídas em 30 CREs. O resultado sai no mês de julho e as nomeações estão previstas para agosto.

Antes de assumir os cargos, os novos professores farão um curso de formação intensiva para se familiarizar com as políticas adotadas na educação. No RS há 2.572 escolas e 1,12 milhão de alunos matriculados nos ensinos fundamental e médio. Dos 70 mil professores em atividade, 21 mil têm contratos emergenciais.

Fonte: Governo do Rio Grande do Sul