Rede Minas abrirá concurso público

Realização do concurso é uma determinação do Ministério Público do Trabalho e do Ministério Público Estadual. Não haverá demissões até conclusão do certame.

O Governo do Estado de Minas Gerais, por meio da Secretaria de Estado de Cultura (SEC), informou que não haverá demissões na Rede Minas, a TV pública estatal, em decorrência da mudança do modelo de gestão da emissora. A principal mudança está na determinação do Ministério Público do Trabalho e do Ministério Público Estadual de que seja realizado concurso público para ingresso nos quadros da TV, com início das atividades ainda no mês de agosto.

A manutenção do atual quadro de funcionários da Rede Minas até a conclusão do concurso público é resultado da finalização dos estudos para definição do quadro funcional da emissora ocorrida nesta segunda-feira (5/8/2013) e corrobora o compromisso público assumido pela secretária de Estado de Cultura, Eliane Parreiras, com a continuidade da qualidade de sua programação. Também está assegurada a manutenção do número de horas dedicadas à produção regional da Rede Minas, o que confirma o interesse do Governo no fortalecimento institucional da TV pública no estado.

Provas e cronograma preliminar

As provas do concurso público levarão em conta conteúdos teóricos e práticos e as datas previstas já divulgadas permanecem inalteradas:

1) publicação do edital (agosto de 2013);

2) realização das provas (novembro/dezembro de 2013);

3) início das chamadas (março de 2014).

O concurso público será aberto à sociedade e acompanhado pelos órgãos de controle. O Governo mineiro considera importante o diálogo e a transparência no processo de implantação do novo modelo de gestão da Fundação TV Minas e tem se proposto, por meio da Secretaria de Estado de Cultura, a construir permanente interlocução com os diferentes segmentos da sociedade envolvidos com os rumos da nova Rede Minas.

Com informações da Agência Minas