Concurso MAPA 2014 registrou um total de 412.118 inscritos

Divulgada a relação de candidatos por vaga do Concurso do Ministério da Agricultura. Provas serão aplicadas em maio.

Acabou a expectativa dos inscritos ao concurso público do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA)! A Consulplan divulgou nesta segunda, dia 07/04, a relação de candidatos por vaga do certame, que oferece um total de 796 vagas.

Ao todo, foram 412.118 inscritos, o que significa uma concorrência média bastante considerável (cerca de 517 candidatos por vaga).

Os novos servidores do MAPA farão jus a uma remuneração inicial que varia entre R$ 2.818,02 e R$ 12.539,38, para o cumprimento de uma carga horária de 40 horas semanais. 

As provas serão realizadas nas 27 capitais provavelmente no dia 04 de maio, em locais e horários que serão divulgados a partir de 28 de abril deste ano. Além das provas, o edital prevê avaliação de títulos, mas apenas para os candidatos que concorrerem às vagas de nível superior com opção de lotação para as unidades do LANAGRO - Laboratório Nacional Agropecuário. 

*****

Concurso MAPA - Ministério da Agricultura 2014 (20/01/2014)

Próximo concurso do Ministério da Agricultura será para preencher 796 vagas. Consulplan divulgará edital em poucos dias.

O Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA) está cada vez mais próximo de realizar seu novo concurso, destinado ao preenchimento de 796 vagas. A organizadora Consulplan deverá publicar o edital dentro de alguns dias.

Ao todo, serão ocupadas vagas para o cargo de Fiscal Agropecuário (nível superior), Bibliotecário, Psicólogo, Contador, Economista, Engenheiros (Civil ou Elétrico) e Geógrafo. Além dessas chances, serão abertas vagas para o postos de nível médio/técnico de: Agente de Inspeção, Agente Administrativo, Técnicos de laboratório, Agente de Atividades Agropecuárias e Técnico em Contabilidade. Para o nível fundamental, haverá vagas para Auxiliar de Laboratório.

Aguardem mais informações.



----------------

Notícias anteriores.

13/11/2013: A Advocacia-Geral da União (AGU) garantiu, na Justiça, o prosseguimento de licitação para contratação de banca que irá realizar o concurso público para cargos no Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa). Os procuradores confirmaram que as alterações no número de vagas da seleção aconteceram após a abertura do processo licitatório, situação suficiente para a realização de novo procedimento para escolha da banca responsável pelo certame.

Entenda o caso

O Mapa iniciou em março deste ano a contratação de empresa na modalidade de dispensa de licitação e previa um total de 736 vagas para o concurso. No entanto, em julho, após iniciar o processo, o Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão (MPOG) aumentou o número de cargos para 796 em todo o país. Por esse motivo, a modalidade utilizada foi então revogada, sendo necessário dar início a outro tipo de contratação. 

A empresa selecionada antes dos fatos mencionados não concordou com a revogação da dispensa de licitação e, inconformada, entrou com Mandado de Segurança para cancelar a revogação. O pedido foi acolhido pela Justiça de primeiro grau que entendeu que não foi comprovada a existência de qualquer fato após a abertura do processo, e por isso não seria possível revogar a modalidade e realizar novo procedimento licitatório. 

Decisão equivocada

A Procuradoria-Regional da União na 1ª Região (PRU1) atuou no caso, pois entendeu que a decisão foi equivocada. A unidade da AGU apresentou à Justiça toda a fundamentação da decisão administrativa, ressaltando também a necessidade urgente do provimento dos cargos para o exercício das atribuições do Mapa.

As informações são da página da Advocacia Geral da União.

Leia mais sobre a decisão: http://www.agu.gov.br/sistemas/site/TemplateImagemTexto.aspx?idConteudo=261260&id_site=3

****

Notícias anteriores sobre o Concurso MAPA 2013/2014

17/09/2013: O Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão (MPOG) baixou uma nova portaria (327/2013), que autoriza a realização de concursos públicos destinados ao provimento de cargos do quadro de pessoal do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA). A pasta terá um novo prazo para a publicação dos editais, que se encerra dentro de seis meses.

Apostila para o cargo de Agente de Inspeção

A outra novidade desta portaria - e esta agradará mais aos concurseiros - é a ampliação das vagas oferecidas, 60 a mais do que o total previsto anteriormente (veja notícia anterior abaixo), todas estas para Fiscais Federais Agropecuários.

Distribuição dos cargos

Para a reposição de pessoal do quadro do MAPA, foram destinados 422 cargos, distribuídos entre os postos de Fiscal Federal Agropecuário (172), Agente de Atividades Agropecuárias (50), Agente de Inspeção Sanitária e Industrial de Produtos de Origem Animal (100), Administrador (25), Agente Administrativo (50), Bibliotecário (2), Contador (6), Economista (4), Engenheiro (3), Geógrafo (3), Psicólogo (2) e  Técnico de Contabilidade (5).

Os cargos destinados à substituição de terceirizados são: Fiscal Federal Agropecuário (60), Auxiliar de Laboratório (70), Técnico de Laboratório (184), e Agente Administrativo (60), totalizando 374 vagas.

A portaria está publicada no Diário Oficial da União de 17 de setembro de 2013, seção 1, páginas 73 e 74.

****************************************

Concurso MAPA 2013 (atualização de 03/09/2013)

Foram autorizados os concursos para o preenchimento de 736 vagas no Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento.

Está autorizada a realização de concurso público para o Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA), visando ao provimento de 736 vagas. A autorização dada pelo Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão (Portaria nº 74/2013) em 18 de março de 2013, página 125, seção 1 do Diário Oficial da União (DOU).

Organizadora

A organizadora do certame seria o Instituto de Desenvolvimento Educacional, Cultural e Assistência Nacional - IDECAN, de acordo com o extrato divulgado no DOU de 26/8/2013. No entanto, na edição do DOU de 02/09/2013, foi publicado o ato de revogação dessa dispensa de licitação (referente ao Processo nº 210000042682013).

Com essa decisão, é provável que o edital deste concurso não seja mais publicado até o vencimento do prazo dado pela Portaria de autorização, que seria até 18 de setembro deste ano.

Quantitativo de vagas por cargo

Do quantitativo autorizado, 422 se referem a postos destinados à reposição de pessoal, distribuídos entre os cargos de Fiscal Federal Agropecuário (172), Agente de Atividades Agropecuárias (50), Administrador (25), Agente de Inspeção Sanitária e Industrial de Produtos de Origem Animal (100), Agente Administrativo (50), Bibliotecário (2), Contador (6), Economista (4), Engenheiro (3), Geógrafo (3), Psicólogo (2) e Técnico de Contabilidade (5).

De acordo com Retificação publicada no DOU de 01/07/2013, foi excluído o cargo de Engenheiro Agrônomo (2); em contrapartida, foram ampliadas as vagas para o cargo de Administrador, que passaram de 23 para 25 oportunidades.

Já as 314 vagas restantes são destinadas à substituição de terceirizados nos chamados Cargos de Atividades Técnicas da Fiscalização do MAPA e Cargos do Plano Geral de Cargos do Poder Executivo, que são: Auxiliar de Laboratório (70), Técnico de Laboratório (184) e Agente Administrativo (60). De acordo com a Portaria, o provimento desses cargos terá como contrapartida a extinção de todos os postos de trabalho terceirizados nos Laboratórios Nacionais Agropecuários - Lanagros e demais unidades laboratoriais do MAPA, que estão em desacordo com a legislação vigente.

O Secretário-Executivo do Ministério da Agricultura deverá baixar as normas definitivas destes concursos dentro de um prazo de até seis meses, contado a partir da publicação da Portaria. Vale lembrar que foi criado, desde janeiro deste ano, um Grupo de Trabalho para implantar o processo deste concurso, de acordo com o Boletim de Pessoal do MAPA.