MPOG autoriza provimento de cargos na ANVISA

Portaria 23/2014 do MPOG autoriza o provimento de 128 cargos da Anvisa.

Concurso Anvisa

Concurso Anvisa

O Ministério do Planejamento autorizou (portaria 23/2014) o provimento de 128 cargos pertencentes ao Quadro de Pessoal da Agência Nacional de Vigilância Sanitária - ANVISA, a ocorrer a partir deste mês de janeiro. 

Tal provimento está condicionado à existência de vagas na data de nomeação e à substituição de trabalhadores terceirizados
que executam atividades não previstas no Decreto nº 2.271/1997, entre outros fatores.

Serão providos cargos de Técnico em Regulação e Vigilância Sanitária (100) e Técnico Administrativo (28).

Diário Oficial da União de 22 de janeiro de 2014, página 68, seção 1.

 

****

Locais de Provas Concurso Anvisa 2013 (30/08/2013)

Anvisa divulga edital de convocação para as Provas Objetiva e Discursiva, que serão aplicadas em 1º e 15 de setembro de 2013.

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária divulgou edital de convocação para as Provas Objetiva e Discursiva do concurso 2013, para provimento de cargos vagos de Técnico Administrativo, Técnico em Regulação e Vigilância Sanitária, Analista Administrativo e Especialista em Regulação e Vigilância Sanitária. Os locais, as datas e os horários de realização das Provas estão disponíveis para consulta no sítio da organizadora Cetro (www.cetroconcursos.org.br).

O candidato deverá comparecer ao local designado para as provas, com antecedência mínima de 60 minutos do horário de fechamento dos portões, que se dará, impreterivelmente, às 8h do período matutino e 16h do período vespertino, do dia 01 de setembro de 2013 para os cargos de Analista Administrativo e Especialista em Regulação e Vigilância Sanitária, e 08h do dia 15 de setembro de 2013 para os cargos de Técnico Administrativo e Técnico em Regulação e Vigilância Sanitária, observado o horário oficial de Brasília-DF.

Veja o edital completo: http://www.in.gov.br/imprensa/visualiza/index.jsp?jornal=3&pagina=125&data=22/08/2013

***

Concurso Anvisa 2013: provas serão reaplicadas em setembro (28/06/2013)

As provas discursivas e objetivas serão aplicadas no dia 1º de setembro para os cargos de nível superior e no dia 15 de setembro para os cargos de nível médio.

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) e o Instituto Cetro divulgaram as novas datas de aplicação das provas do concurso da Agência. As provas discursivas e objetivas serão aplicadas no dia 1º de setembro para os cargos de nível superior e no dia 15 de setembro para os cargos de nível médio.

Os candidatos que não desejarem refazer as provas poderão solicitar a devolução da taxa de inscrição entre os dias 2 e 4 de julho. Para isso, é necessário acessar o endereço eletrônico da Cetro Concursos (www.cetroconcursos.org.br) e preencher a ficha de solicitação de devolução da taxa, disponível em link específico, na área restrita do candidato, e seguir os procedimentos descritos nos itens 4.1 a 4.12 do Edital nº 28/2013.

Os candidatos que não solicitarem o cancelamento das inscrições e a devolução da taxa de inscrição serão considerados inscritos no Concurso Público e não terão direito à devolução posterior do valor da taxa.

Veja o Edital nº 28/2013 completo, publicado no Diário Oficial da União desta sexta-feira (28/6).

Fonte: Anvisa

****

Notícia anterior (15/06/2013)

A assessoria de imprensa da Anvisa comunicou que haverá nova prova para o concurso público da Agência. A decisão foi tomada após a reunião da Diretoria Colegiada que avaliou o relatório da Comissão Organizadora do Certame e o anuncio foi dado pelo diretor-presidente da Agência, Dirceu Barbano, nesta sexta-feira (14/6).

Barbano também informou que a data provável para aplicação das novas provas será em algum dia do mês de agosto, considerando que a Cetro terá até 60 dias para organizar o novo exame do concurso. Visto pelo lado bom, os mais de 125 mil candidatos inscritos terão um tempo a mais para se preparar. Estima-se que entre 2 mil e 3 mil pessoas tenham tido problemas no dia da prova, realizada em 02 de junho.

O diretor-presidente da Anvisa ressaltou que um novo concurso terá de ser feito nacionalmente, para todos os cargos, porque não é possível garantir que não vazaram informações a outros candidatos. "Ainda que os problemas identificados se refiram a apenas algumas pessoas, não é possível afirmar que não tenha havido contaminação para o restante. Não podemos ter o concurso gerando qualquer atitude não isonômica de participação dos candidatos.”

Devolução da taxa de inscrição

Caso algum candidato não tenha interesse em participar do concurso, a Cetro terá de reembolsar o valor da taxa de inscrição – R$ 70 para as provas de nível superior, R$ 50, para as de nível médio. Os candidatos que não compareceram ao concurso do dia 02/06 não poderão fazer a prova, pois não será permitida a entrada de novos candidatos.

As pessoas que, no dia da prova, tenham comprovadamente adotado alguma conduta que contrarie as orientações estabelecidas em edital serão automaticamente desclassificadas do concurso. Houve constatação, por exemplo, de que candidatos entraram em sala de prova portando telefones celulares – o que era expressamente proibido no edital.

Medidas

Na reunião da Diretoria Colegiada, foram sete os pontos avaliados, conforme se segue:

1 - Determinar à empresa Cetro a reaplicação nacional das provas do Concurso Público para todos os cargos que compõem o certame, preservando-se os direitos de todos os candidatos já inscritos.

2 - Determinar que, após a conclusão formal das apurações, sejam aplicadas à Cetro as sanções contratuais previstas, em função das falhas operacionais verificadas durante a realização do certame.

3 - Advertir a empresa Cetro sobre a possibilidade da aplicação das penas de suspensão ou declaração de inidoneidade no caso de repetição do descumprimento das cláusulas contratuais e problemas verificados na aplicação anterior.

4 - Determinar à empresa Cetro que desclassifique e exclua das novas provas todo e qualquer candidato que comprovadamente tenha adotado condutas que contrariem as previsões do Edital do Concurso.

5 – Determinar ao Cetro que garanta o direito de desistência de eventuais candidatos que não desejem realizar novamente as provas com as devidas restituições dos valores de inscrição pagos.

6 –Tendo em vista o interesse público envolvido  na realização do concurso, a  Anvisa solicitará à Policia Federal que acompanhe a aplicação das novas provas e que encaminhe eventuais conclusões sobre a apuração já solicitada sobre as ocorrências envolvendo as provas anteriores.

7 – Encaminhar à Cetro o relatório da Comissão, no sentido que a empresa tome conhecimento das conclusões contidas no relatório, e solicitar à comissão que reforce junto à Cetro os itens considerados críticos.

Informações e imagem: Imprensa Anvisa e da Agência Brasil

***

11/06/2013 -  Concurso Anvisa 2013: Comissão avalia respostas da Cetro

Anvisa recebeu  as respostas da organizadora aos questionamentos feitos sobre os problemas ocorridos durante a aplicação das provas.

Na tarde de terça-feira, dia 11 de junho,  a Anvisa recebeu  as respostas da Cetro Concursos Públicos aos questionamentos feitos pela Agência sobre os problemas ocorridos durante a aplicação das provas do concurso público,  realizado  no último dia 2 de junho.

Os argumentos apresentados pela Cetro já foram  enviados aos membros da Comissão do Concurso da Anvisa  para análise.

***

COMUNICADO (03/06/2013)

Anvisa e Cetro divulgam notas sobre os acontecimentos envolvendo a aplicação das provas no último domingo (02/06/2013).

A CETRO CONCURSOS PÚBLICOS comunica aos candidatos participantes do Concurso Público da Agência Nacional de Vigilância Sanitária – ANVISA que a aplicação das Provas Objetivas e Discursivas ocorreu na data de ontem, dia 02/06/2013, a todos os cargos, nas 26 capitais brasileiras e Distrito Federal. Fatos isolados foram observados e são objeto de apuração por parte desta organizadora. Tão logo esteja concluída esta averiguação, os candidatos serão informados através deste site.

Comissão Organizadora CETRO CONCURSOS PÚBLICOS
***

A Anvisa enviou, nesta segunda-feira (3/6), ofício à direção da empresa Cetro solicitando informações sobre o andamento da prova do concurso público aplicada neste domingo. De acordo com informações divulgadas pela imprensa, houve problemas no Rio de Janeiro, Distrito Federal, Bahia e Alagoas. O prazo para a empresa responder é até as 14h de hoje. Com base nessas informações, a Anvisa adotará as medidas cabíveis.


2/6

A Anvisa informa que está acompanhando a aplicação da prova do concurso público da Agência, realizada nas 27 unidades da federação neste domingo (2/6/2013). A elaboração e execução deste certame nacional está a cargo da empresa Cetro Concursos Públicos.

A Agência tomou conhecimento de problema ocorrido na cidade do Rio de Janeiro por mudança de local da aplicação da prova. Prevista para o Cefet da unidade Maracanã, o local foi transferido para a Escola Vicente Januzzi, na Barra da Tijuca, em virtude do amistoso de futebol Brasil e Inglaterra neste domingo. Os inscritos foram avisados por meio de mensagens enviadas para celular e por e-mail. A empresa Cetro também publicou a informação no Diário Oficial da União (DOU) do dia 29 de maio, quarta-feira.

A Anvisa também foi informada de eventos registrados na aplicação das provas no Distrito Federal e em Alagoas.

A contratação da empresa Cetro para a realização das provas ocorreu após consulta pública. Quatro empresas apresentaram propostas, sendo que duas demonstraram condições técnicas de realizar o concurso. A Cetro, no entanto, apresentou a melhor taxa de inscrição, R$ 70, face a taxa de R$ 240 cobrado pela outra empresa . Além disto, a Cetro já havia realizado um concurso público nacional para a Anvisa, em 2010, para a contratação de técnico administrativo.

A Anvisa avaliará a natureza das ocorrências e adotará todas as medidas para preservar a lisura do concurso e o direito de todos os participantes.

Imprensa/Anvisa

***

Concurso Anvisa 2013: convocação para provas objetiva e discursiva (22/05/2013)

Agência Nacional de Vigilância Sanitária convoca os candidatos para as provas objetiva e discursiva do concurso nº 1/2013, a serem realizadas no dia 02 de junho

A direção da Agência Nacional de Vigilância Sanitária públicou oficialmente os locais e os horários de
realização das Provas Objetiva e Discursiva do Concurso Público para provimento de cargos vagos de Técnico Administrativo, Técnico em Regulação e Vigilância Sanitária, Analista Administrativo e Especialista em Regulação e Vigilância Sanitária. As provas serão aplicadas no dia 02 de junho de 2013.

De acordo com as normas do certame, o candidato deverá comparecer ao local designado para as provas, com antecedência mínima de 60 minutos do horário de fechamento dos portões, que se dará, impreterivelmente, às 8 h para os cargos de Técnico Administrativo, Técnico em Regulação e Vigilância Sanitária, Analista Administrativo e Especialista em Regulação e Vigilância Sanitária, e 16h para os cargos de Analista Administrativo e Especialista em Regulação e Vigilância Sanitária, observado o horário oficial de Brasília-DF.

Todos os detalhes do Edital de convocação podem ser conferidos no Diário Oficial da União (22/05/2013, seção 3, a partir da página 119) e no site da organizadora Cetro Concursos (http://www.cetroconcursos.org.br/site/?p=concurso_detalhes&tipo=1&id=2066)

***

Concurso Anvisa 2013: edital publicado (05/03/2013)

O novo número de vagas foi publicado no Diário Oficial da União de 05 de março de 2013, retificando a Portaria anterior (n. 584/2012).

Conforme anunciado no dia 19/02 pelo próprio Ministro da Saúde, Alexandre Padilha, o Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão (MPOG) autorizou a ampliação do número de vagas do concurso público da Agência de 165 para 314. A Portaria, de nº 52/2013, foi publicada na edição do dia 05 de março de 2013 do Diário Oficial da União, retificando a Portaria n. 584, de 4 de dezembro de 2012.

Edital publicado: Concurso Anvisa 2013

As vagas de nível superior serão distribuídas entre Especialista em Regulação e Vigilância Sanitária (157), com remuneração inicial prevista de R$ 10.019,20, e Analista Administrativo (29), com remuneração de R$ 9.263,20. Candidatos com nível intermediário poderão concorrer a vagas para Técnico em Regulação e Vigilância Sanitária (100), com remuneração inicial de R$ 4.984,98, e vagas para Técnico Administrativo (28), com remuneração de R$ 4.760,18.

O edital do concurso deve ser publicado, no máximo, até o mês de maio.

Informações da Imprensa/Anvisa e do Diário Oficial da União

***

Notícia anterior (14/02/2013): Concurso Anvisa 2013: Cetro será organizadora

MPOG autorizou o concurso para 165 cargos. Edital até junho de 2013 e organizadora será a Cetro.

O Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão (MPOG) autorizou (04/12/2012), por meio da Portaria Nº 584, publicada no Diário Oficial da União, a realização de concurso público para preenchimento de 165 cargos do quadro de pessoal da Agência Nacional de Vigilância Sanitária - Anvisa. A organizadora também já foi escolhida: será a Cetro Concursos Públicos (confira extrato abaixo)

Do total de postos a serem preenchidos, 120 exigem nível superior, sendo 100 para Especialista em Regulação e Vigilância Sanitária (salário de R$ 10.019,20) e 20 para Analista Administrativo, que tem remuneração de R$ 9.263,20.

Candidatos com nível médio poderão concorrer a 35 vagas de Técnico em Regulação e Vigilância Sanitária, com remuneração inicial de R$ 4.984,98; e 10 de Técnico Administrativo, com remuneração de R$ 4.760,18.

O diretor-presidente da Anvisa será responsável pela realização do concurso, e tem prazo de seis meses para publicação do edital , contados a partir de hoje. Edição com informações do portal do MPOG.

Confira a íntegra do Extrato de Dispensa de Licitação:

"AGÊNCIA NACIONAL DE VIGILÂNCIA SANITÁRIA

EXTRATO DE DISPENSA DE LICITAÇÃO No- 1/2013

Processo: 25351.692254/2012-63. Contratante: AGENCIA NACIONAL DE VIGILÂNCIA SANITÁRIA. CNPJ: 04.196.645/0001-00.
Contratado: CETRO CONCURSOS PÚBLICOS, CONSULTORIA E ADMINISTRAÇÃO. Objeto: Contratação de instituição especializada na realização de concurso público.

Declaração de Dispensa de Licitação em 08/02/2013: MARCO ANTONIO MACHADO DE MACEDO.
Gerente Geral de Gestão Administrativa e Financeira.

Ratificação: JAIME CÉSAR DE MOURA OLIVEIRA. Diretor Presidente Substituto. Fundamento legal: Art. 24, Inciso XIII da
8.666/93. Data do Ratifico: 08/02/2013".

Fonte: http://www.in.gov.br/visualiza/index.jsp?jornal=3&pagina=79&data=13/02/2013

***

Notícia anterior (23/11/2012): Agência reguladora aguarda autorização do MPOG para lançar concurso público, com previsão de mais de 240 oportunidades efetivas.

Autarquia que tem como área de atuação todos os setores relacionados a produtos e serviços que possam afetar a saúde da população brasileira, a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) é mais uma das reguladoras federais que há algum tempo tem necessitado de reforços no quadro funcional. Há um novo certame sendo planejado para a agência, com a previsão de oferta de aproximadamente 247 vagas efetivas, mas neste momento é preciso que o Ministério do Planejamento aprecie a solicitação e resolva autorizá-la.

Se autorizado e realizado ainda este ano, os novos funcionários deverão ser nomeados somente a partir de 2013, recebendo vencimentos entre R$ 5,2 a R$10, 3 mil, para o exercício de funções de nível médio ou superior, em regime estatutário.

Além do total de vagas efetivas em análise, a Agência poderá oferecer mais oportunidades, porém estas seriam para contratação temporária.

Movimento dos servidores das reguladoras: No último dia 16 de julho, representantes dos servidores de todas as agências reguladoras federais anunciaram que fariam greve por tempo indeterminado.  Além de protestarem pela reestruturação da carreira e por melhores condições de trabalho, os servidores que aderiram ao movimento (30% do total, segundo o Sindicato Nacional dos Servidores das Agências Nacionais de Regulação - Sinagências), brigam pela realização de novo concurso, para a oferta de pelo menos 600 vagas.

"Falta pessoal, faltam concursos. Lutamos contra a politização nas agências. Queremos que a ocupação dos cargos de diretoria seja feita por lista tríplice, à qual serão indicados apenas pessoas do quadro permanente", disse o diretor de comunicação do Sinagências, Ricardo Holanda, em reportagem do portal "DCI".

Alberto Vicente

Tópico: ANVISA